98,9 SINOP
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
1 mês atrás - 26/11/2021

Matheus e Kauan gravam DVD com orquestra e tributo a Marília Mendonça

FOTO: Reprodução
FOTO: Reprodução

Matheus e Kauan gravaram o DVD Se Melhorar Estraga, na noite desta quinta-feira (25/11), em São Paulo. Alegria, emoção, gritaria e até invasão de palco deram o tom do show, que o público vai poder conferir no primeiro semestre de 2022.


Quase dois anos longe do público, os artistas resolveram dedicar o novo projeto aos fãs. Convidaram vários fãs clubes de todo o país para participarem do DVD, o que trouxe um clima mais aconchegante à gravação. “Acredito que esse DVD vai ser muito simbólico pelo reencontro com os fãs. Não pode melhorar mais, porque vamos matar a saudades deles aqui. E se melhorar, com certeza vai estragar”, diss Matheus Aleixo, antes da gravação.


Entre os convidados famosos estavam os cantores Mumuzinho, Rapahela Santos e Deolane Bezerra (viúva de MC Kevin), além de ex-participantes de reality shows, como Gui Napolitano, Thais Braz, Emilly Araújo, Eduardo Prado e influenciadores, como Túlio Rocha.


As dezesseis canções do novo projeto estavam na ponta da língua do público. Para agradar admiradores e amigos, a dupla também cantou sucessos recentes da carreira, como Expectativa X Realidade, Litrão e Vagabundo. Como toda boa gravação de DVD, não faltaram fãs histéricos driblando os seguranças para subir ao palco.


Um dos momentos mais marcantes da gravação foi a homenagem feita pela dupla à cantora Marília Mendonça, morta em um acidente aéreo no início de novembro. Com uma orquestra, Matheus e Kauan regravaram a música Ser Humano ou Anjo, do álbum Face a Face (2015), para matar a saudade da Rainha da Sofrência. Emocionados, os cantores dividiram os vocais com o público presente prestando uma linda homenagem a Marília. A canção vai integrar o novo projeto. “Com certeza é um anjo”, diz Matheus ao final da canção. A dupla aposta ainda em um estilo mais romântico com Última Alternativa, que também foi executada com orquestra.

FONTE: Leo Dias